logo
titulo-noticias
AEMB E CDL COM PESCADORES.
AEMB E CDL COM PESCADORES

Os presidentes da CDL e da AEMB, Gilcinéa dos Anjos e Mário Pera, respectivamente, acompanhados do secretário da CDL Adauto Januário, estiveram em contato com representantes da Associação dos Donos de Canoa a Remo Pesca da Tainha na última quinta-feira, no Restaurante Olímpio.  O convite partiu da entidade que representa os pescadores, com intuito de promover uma aproximação com a comunidade em geral, de forma a tornar sobretudo a tradição da pesca da tainha um evento com mais amplitude, conhecimento geral, entendimento e com isso a devida defesa da mesma, como forma também de manter e resgatar uma das mais tradicionais culturas do município.

Representando a associação dos pescadores participaram José Olímpio, Rosemiro Kenko de Melo, Claudir Pinheiro, José Edson de Melo, Julio yee e José Luiz de Melo que enfatizaram a importância da aproximação com a comunidade, especialmente a classe empresarial, para construir uma ponte que permita quebrar preconceitos, eliminar barreiras que têm sido responsáveis para que aja um distanciamento. “Nós queremos manter a tradição e para isso é importante que a comunidade entenda e participe, se quebre alguns amarras, que nos distanciam”, disse Kenko de Melo. Para todos os presentes uma coisa é certa, Bombinhas pode e deve manter sua tradição da pesca da tainha e construir uma relação positiva com a comunidade, que passará a entender, valorizar e defender esta cultura.

Para a presidente da CDL Gilcinéa dos Anjos a mudança de costumes tem reduzido o contingente de pessoas ligadas a este tipo de pesca. “Meu pai era atuante, envolvido, mas nós não seguimos ele, então isso é uma prova de vai distanciando e acabando”, relatou. Para Adauto Januário é preciso envolver a comunidade, fazê-la entender, compreender a cultura, o que se faz, é preciso dizer para todos.

O presidente da AEMB Mário Pera enalteceu a iniciativa da aproximação, considerando que se torna então um marco, porque isto era esperado. “Até que enfim chegou o dia, de estarmos sentados com representantes dos pescadores de tainha, para quem sabe encontrarmos formas de manter a tradição, a cultura, tirar proveito disso em benefício das famílias dos pescadores e ainda por cima ser uma atração turística para Bombinhas. Precisamos difundir, dizer, mostrar. E quem sabe tudo aquilo que parece ser negativo, passar a positivo, como por exemplo, apagar as luzes das praias. Por que não se pode divulgar que as praias de Bombinhas ficam com luzes apagas por dois meses e isso acabe atraindo turistas que queiram curtir a praia à noite nesta condição, gente que valoriza ver as estrelas, o brilho da lua no mar...”, destacou.

Na verdade os pescadores querem o apoio, para que a comunidade compreenda a sua prática, respeite o período de pesca, evitando abusos e também que aja esta aproximação. Ficou definido que irá se produzido um material de divulgação das restrições, com sugestões e indicações de como funciona a pesca da tainha. E com isso comecem um novo tempo na relação da pratica da tainha com a população em geral e os que visitam o município entre maio e junho.

 

AEMB   CDL

Clique na foto para ampliar.
j.miniatura.name}}
Escolha o setor e encontre, em Bombinhas,
tudo o que você precisa.
busca
Bombinhas é, reconhecidamente, um dos destinos mais lembrados e procurados em todo o litoral brasileiro.
publicidade-1
Copyright 2008 - Todos os direitos reservados - AEMBombinhas.com.br
A AEMB/CDL | Associados | Campanhas | Convênios | Notícias e Eventos | Turismo | Contato