logo
titulo-noticias
AEMB - CDL REÚNE EMPRESÁRIOS - COM A PREFEITA DE BOMBINHAS - ASSUNTO AVENIDA LEOPOLDO ZARLING.
AEMB - CDL REÚNE EMPRESÁRIOS - COM A PREFEITA DE BOMBINHAS - ASSUNTO AVENIDA LEOPOLDO ZARLING

Um grande número de empresários atendeu ao convite e compareceu à reunião marcada pela AEMB e CDL com a presença da prefeita Ana Paula da Silva, alguns secretários, assessores e representantes da empresa que está executando as obras de reurbanização da Avenida Leopoldo Zarling, em Bombas. Muitas dúvidas haviam – que foram esclarecidas - outras ainda persistem, quanto ao cronograma de execução do projeto, da continuação das obras nestes próximos meses, a logística atual e as consequências imediatas para todos setores – especialmente o comércio em geral, meios de hospedagens e gastronomia, além das imobiliárias. 

Um dos pontos levantados de imediato foi sobre a situação em que se apresentará a avenida na temporada de verão, que receberá o material tipo brita fina na pista de rolamento e resultará em certo desconforto com a poeira e quanto a isso a prefeita Paulina prometeu resolver com uso do caminhão-pipa, o que amenizará o impacto do pó, fato que ainda resulta em certa desconfiança, uma vez que no calor a incidência do pó será quase inevitável, sem contar que com o aumento do tráfego de veículos a passagem do caminhão-pipa poderá ficar prejudicada.

Foi informado que as ruas que dão acesso à praia também ficarão da mesma forma que a avenida, estarão prontas pra receberem a camada final de pavimento – com paver – mas só a partir do fim da temporada de Verão, com previsão para ser no começo de março. Até lá a prefeitura espera receber da CASAN os tubos de coleta do esgoto, que integrará o projeto de implantação do sistema da coleta e tratamento do esgoto sanitário, que ainda depende de licença ambiental a ser liberada pela FATMA.

Os empresários – que se manifestaram – entendem a necessidade melhorias na cidade, porém consideram que há lentidão na obra, desconfiam do cronograma e na execução de tudo que está previsto, tendo em vista o pouco número de trabalhadores colocados no trecho pela empresa responsável pela execução. Foi pedido agilidade, se possível trabalhar em períodos noturno ou finais de semana.  A retirada das calçadas – passeios públicos foi criticada – e por isso ficou definido que o restante da avenida que ainda possui calçadas terão as mesmas mantidas, enquanto que onde foram retiradas serão feitas as melhorias que possibilitem os transeuntes utilizarem aquele espaço para circular pela extensão da avenida.

Na verdade a Secretaria de Planejamento prevê que até o final de outubro esteja toda avenida pronta para receber a camada do material que sedimentará a pista de rolamento e as demais com conclusão prevista para o dia 30 de novembro, com uma tolerância até 10 de dezembro. E isto representa como colocado no começo, deixar a avenida em condições de trafegabilidade na Alta Temporada, para então em 2015 serem retomadas as obras.

Foi cobrado melhorias na sinalização da obra, especialmente placas que indicam os destinos internos, sobretudo junto aos desvios na Avenida Fragata, fato que pela inexistência de clareza das informações tem feito com os visitantes acabam se perdendo.

O uso das vias transversais como estacionamento foi solicitado, com retirada de placas que proíbam estacionamento e coloquem em vulnerabilidade os proprietários dos veículos quanto à possíveis multas aplicadas pela Polícia Militar, e quanto isso foi informado que o departamento de trânsito do município já estava providenciando.

Já com relação as obras que continuam sendo realizadas com a retirada do pavimento antigo foi solicitado que sejam comunicados os empresários sobre as ações já que vem correndo risco de ficarem nos fins de semana sem acesso a seus estabelecimentos. Isto foi acordado que a empresa responsável alertará e tratará com os empresários para que não ocorra transtornos aos negócios.

Sobre o andamento das obras e cumprimento do cronograma mostrado, os presentes foram informados que todas as quintas-feiras os responsáveis (de parte da prefeitura com os da empresa contratada) se reúnem e fazem avaliação e definem passos seguintes. Sobre isso houve o compromisso da prefeita Paulinha e dos representantes da empresa de que repassarão à AEMB e CDL que se encarregarão de dar publicidade aos seus associados, para que acompanhem de perto e possam avaliar o transcorrer dos trabalhos.

O presidente da AEMB Mário Pera que fez o convite à prefeita para comparecer à reunião que abrira o encontro destacando a importância de estarem ali para tratar do assunto que náo diz respeito somente aos proprietários de imóveis e de negócios da Avenida Leopoldo Zarling mas todo o bairro Bombas e demais regiões de Bombinhas, uma vez que envolve o principal ou único acesso ao município – que acabam sofrendo todas as consequências – destacou que seria a oportunidade de apontarem dificuldades, sugerirem mudanças ou ações e mesmo tirarem todas as dúvidas. Encerrou propondo que dentro de um mês, definiu a data, 4 de novembro, houvesse novo encontro para então avaliarem definitivamente como estará e ficará a avenida no período da Alta Temporada. A prefeita Paulina agradeceu e cumprimentou a AEMB e a CDL pela iniciativa e se colocou à disposição para novos encontros de modo que população possa ficar esclarecida quanto ao andamento daquela obra.

AEMB    CDL

 

 

Clique na foto para ampliar.
j.miniatura.name}} j.miniatura.name}} j.miniatura.name}} j.miniatura.name}} j.miniatura.name}} j.miniatura.name}}
Escolha o setor e encontre, em Bombinhas,
tudo o que você precisa.
busca
Bombinhas é, reconhecidamente, um dos destinos mais lembrados e procurados em todo o litoral brasileiro.
publicidade-1
Copyright 2008 - Todos os direitos reservados - AEMBombinhas.com.br
A AEMB/CDL | Associados | Campanhas | Convênios | Notícias e Eventos | Turismo | Contato